Protocolo de roteamento BGP para iniciantes: o que é e como usar

Se você é um iniciante ou admirador da área de TI, provavelmente já ouviu falar do protocolo BGP. Mas, você sabe de fato o que significa o Border Gateway Protocol? 

De forma resumida, o BGP é o protocolo de integração de sistemas e informações que permite que a Internet funcione. 

Disso vem sua relevância e a indicação para que seu conhecimento seja parte das suas especializações na área. 

Afinal, se um dado sai de um lugar e chega a outro, isso ocorre graças ao bom funcionamento dos protocolos de roteamento BGP. 

Esse é um tema que te interessa? Continue a leitura para descobrir outros detalhes deste universo. 

Por aqui você irá encontrar o seguinte roteiro de conteúdo: 

  • O que é Protocolo BGP 
  • Como funciona o Protocolo BGP 
  • Como começar a sua especialização em Protocolo BGP 

O que é Protocolo BGP 

Como dissemos anteriormente, o protocolo de roteamento BGP é a tecnologia que permite à Internet seu pleno funcionamento. 

A rede é formada por diversas sub-redes, também chamadas de sistemas autônomos (AS), que precisam se conectar e trocar informações entre si. Quem garante que isso seja uma realidade são os protocolos BGP, através da troca de informações de roteamento e acessibilidade entre roteadores de borda  

É por meio da utilização de protocolos de roteamento BGP que há o que denominamos popularmente de “correio da Internet”. 

Quando há o envio de dados pela Internet, o protocolo BGP é capaz de avaliá-los, observar todos os caminhos existentes na nuvem e ainda escolher a rota mais eficiente para que um tráfego de IP viaje de um ponto a outro. 

Dessa forma, é como se os sistemas autônomos (Autonomous Systems, ou AS) fossem agências individuais dos correios e o protocolo BGP o correio em si. 

Para os iniciantes na área, é importante compreender que o protocolo BGP, embora seja um dos mais complexos, é também um dos mais importantes, sendo responsável por garantir a troca de informações entre roteadores, avaliando a melhor rota e, também, a mais eficiente. 

Principais características do Protocolo de roteamento BGP 

  • Segurança 

O Protocolo de Roteamento BGP tem como uma de suas principais características a segurança. 

Além da necessidade dos roteadores adjacentes serem configurados manualmente, o protocolo BGP também prevê que nas rotas existam filtros diversos que permitam os ISPs (provedores de serviços de Internet) defenderem suas redes e controlarem o que anunciam para concorrentes.  

  • Avaliação completa

Os protocolos de roteamento BGP, responsáveis por troca de informação de roteamento, avaliam de forma completa os possíveis caminhos para esse processo.

São observadas informações sobre roteadores conhecidos, endereços alcançáveis, e um custo associado ao caminho para cada roteador. 

Dessa maneira, os roteadores da rede trocam informações entre si, se atualizam e escolhem a melhor rota de acordo com todos esses elementos. 

  • Cria estabilidade 

O protocolo BGP é aquele que encontra, na falha de uma rota, outra igualmente satisfatória. 

O BGP irá tomar decisões de roteamento a partir de regras ou políticas de rede definidas por administradores de rede e, assim, conseguirá auxiliar os roteadores a se adaptarem aos erros ou falhas de uma determinada rota. 

  • É usado de forma interna ou externa

O protocolo BGP é utilizado como protocolo de roteamento tanto entre os sistemas autônomos (ASs), quanto dentro de grandes redes de ISP. 

No primeiro caso ele ganha o nome de BGP externo, já no último de BGP interno. 

Como funciona o Protocolo BGP 

Você já sabe que o Protocolo de roteamento BGP é utilizado para trocar informações de roteamento e garantir acessibilidade entre sistemas autônomos (ASs), certo? 

Existem roteadores internos nesses sistemas AS que encaminham suas transmissões de saída para os roteadores BGP e, a partir disso, o roteamento BGP entra em jogo para levar essas transmissões aos seus respectivos destinos. 

Os peers (pares), que representam cada roteador BGP, irão trocar informações de roteamento entre si, como em uma rede de vizinhos, na forma de anúncios de prefixo de rede.

Depois disso, o protocolo BGP analisa o pacote de dados e define em conjunto com sua rede peer vizinha qual a próxima parada dessas informações encaminhadas. 

Cada peer é responsável por gerenciar uma tabela com todas as rotas que tem conhecimento para cada rede e também por “divulgar” essas informações para os AS vizinhos. 

Resumidamente, os protocolos BGPs irão permitir que os ASs coletem as informações de roteamento de seus sistemas autônomos vizinhos e anunciem os dados depois. O protocolo irá divulgar informação interna dentro de seus próprios sistemas.

A figura a seguir ilustra a visão da Internet como uma interligação de ASs.

Fonte: NIC.br

Para completar o processo, com base em elementos do tipo custo, confiabilidade, velocidade, política de roteamento de uma organização, as informações coletadas nessas trocas, o protocolo BGP irá escolher a melhor das rotas para entregar um tráfego de um local ao outro. 

Como começar a sua especialização em Protocolo de roteamento BGP 

De forma geral, entender de protocolos é uma das bases de trabalho na área da tecnologia da informação. 

É por isso que por aqui, há sempre espaço para aprofundarmos os assuntos relacionados a eles, como foi o caso do detalhamento do Protocolo OSPF

Nesse caminho, a ESR também oferece um treinamento completo para quem deseja se destacar na atuação com protocolos de roteamento BGP

O curso “BGP Avançado”, da ESR, apresenta a operação do roteamento BGP de um Sistema Autônomo (AS) de uma organização (Campus Acadêmico ou Empresa) que não opera como um ISP (Internet Service Provider) ou PTT/IXP (Internet Exchange Point), de acordo com as melhores e mais atuais práticas operacionais e de segurança.

O treinamento tem carga horária de 16 horas divididas em 2 semanas de duração e mais uma semana de encerramento, e com 2 encontros online por semana com o tutor. Os encontros são ao vivo e têm 2 horas de duração.

Achou interessante? Inscreva-se aqui!

0 0 votações
Article Rating
Inscrever
Notificar
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x
()
x